egocracia.narcisistó’imodesta

por rogério


Meu caro senhor Nuno que é Moreira e Araújo é tempo de elevar uma vez mais os parâmetros pelos quais este blog se rege, pois está aqui a faltar um trago de identidade poéticó.metafisicó.transcendente a.k.a ao largo do rebanho que flúi nas correntes da comundidade.

Cá ficam as bases para uma dissertação sobre os valores morais e patrióticos na instauração de um ideal governativo, longe dos pré-existentes e entranhados como o melhor a que se pode aspirar.
Não é uma egocracia.narcisistó’imodesta mas sim um estado puro de harmonia existencial do Eu com o Todo e do Todo com o Elemento Único.

. justiça (lei, moral, jurisdição,
. kracia (governo, regência, directriz,
. livre-alvedrio (a essência que é o ponto, escolha, causalidade, desígnio,
. inocência e humildade (inocuidade, abnegação, altruísmo,
. propósito (objectivo, potencialidade,


Com o intuito de manter a leveza pela qual este blog se orienta, isto é um resumo. A dissertação completa pode ser sorvida aqui: >>>

1 comentários:

r_ogeri_o disse...

Isto é para sermos os dois a escrever, quero algo com umas x páginas, que ficará para a história. Nada dessas mariquices de passar a vida a escrever romances e ganhar prémios nobel por algo que não tem utilidade nenhuma no transcender o ideal humano. Meia centena de páginas mudam o mundo.

Enviar um comentário